Pular para o conteúdo principal

Cognatos

Você sabe o que são "palavras cognatas"? São palavras que pertencem à mesma família etimológica. Exemplos de palavras cognatas:

pedra - pedreiro
pedra - pedrinha
jornal - jornalista
jornal - jornaleiro

Portanto essas palavras que são da mesma família, que têm um mesmo radical, são chamadas de "cognatas". Acontece que existem palavras que parecem cognatas, mas não são. Por exemplo: "feracidade" parece ter relação com "feroz", "bravo", "temível". Na verdade, "feracidade" significa extrema fertilidade, e "feraz" é prolífico, fértil, ubertoso. Esse substantivo aparece numa das obras-primas de Manuel Bandeira, "O cacto", do qual se diz que "Era enorme, mesmo para esta terra de feracidades excepcionais", isto é, de fertilidades excepcionais.

Os chamados "falsos cognatos" muitas vezes nos pregam peças incríveis. Existe uma palavra inglesa, "push", que muitas pessoas acham que significa "puxar" em português, quando na verdade quer dizer "empurrar", "pressionar". A letra da canção "A sombra da maldade", gravada pelo grupo Cidade Negra, traz uma palavra cuja origem também causa dúvida em muitas pessoas:

... A minha vida muda sempre lentamente como a lua
que dá voltas pelo céu e mexe
tanto com o presente quanto o ausente
eu sei, eu sei, eu sei
Não sou vidente mas sei o rumo do seu coração

Certa vez, uma das questões do vestibular da Fuvest citava a palavra "vidente" e pedia ao aluno que indicasse as palavras cognatas. Muitas pessoas supõem que "vidente" seja da mesma raiz de "vida", mas na verdade a palavra possui a raiz latina do verbo "ver".

Vamos ver outro exemplo, agora na canção "The Great Pretender", gravada por Fred Mercury:

Oh yes I’m the great pretender
Pretending I’m the great pretender
Pretending I’m doing well
My need is such
I pretend too much
I’m lonely but no one can tell...

O verbo da língua inglesa "to pretend" também surpreende muitas pessoas, que logo pensam em "pretender". Mas "to pretend" quer dizer "fingir". "Pretender" seria o mentiroso, o fingidor. Por essas e por outras, tome sempre muito cuidado com os falsos cognatos.

www.tvcultura.com.br

Comentários

Anônimo disse…
que site logo!!!!o melhor do mundo, melhor q facebook, orkut, msn, melhor q tv, radio, jornal, melhor q pizza, hamburger, melhor q pedra e areia, valeu galera muito bom

Postagens mais visitadas deste blog

Prepositions

Preposições são palavras usadas com nomes para mostrar sua relação com outras palavras da sentença.A seguir, apresentamos as principais preposições em inglês e seu uso:TimePlaceInMeses:In JanuaryCidades:In LondonAnos, séculos: in 1995Estados:In ArkansasEstações: in winterPaíses:in NicaraguaPartes do dia: in the morning, in the afternoon, in the eveningContinentes: In AsiaOnDias da semana:on SundayRuas, avenidas, praças:on Portugal AvenueDatas (mês +dia) on April the 3rdDeterminadas datas:On Christimas dayAtHoras:at 7Endereços (rua +número):at 456 Lincoln St.Certos feriados:At ChristmasLugares públicos:at the club, at the airport, at a party Na dúvida, as sugestões abaixo podem ajudá-lo a resolvê-la, mas lembre-se:o uso nem sempre segue a regra geral.Use in para indicar “dentro de alguma coisa”:In the box

Infinitive and Gerund

O infinitivo é a forma original do verbo tal qual se encontra num dicionário. Pode aparecer na frase com ou sem o “to”. O gerúndio é o verbo com a terminação –ing.

O infinitivo com “to” é de uso mais amplo aparecendo após a grande maioria dos verbos, adjetivos, advérbios, nomes, pronomes, etc:

I expect to be there.
This car is hard to park.
She knows where to find the keys.

Também pode indicar propósito, finalidade:

They went there to buy something = They went there in order to buy something.

Use o infinitivo sem o “to”:

1. após modal verbs (can, could, must, etc.)
2. após os auxiliares do-does-did-will-would
3. após had better, would rather, rather than
4. após as preposições but e except: She did nothing but complain.
5. após os verbos make e let: You make me feel brand new.
Let me help you!

O gerúndio é usado como substantivo nas funções de sujeito, objeto indireto ou objeto indireto (após preposição use sempre o gerúndio):

1. Swimming is his favourite sport.
2. He likes …

Plural of Nouns (Plural dos Substantivos)

1. A regra geral para a formação do plural é acrescentar um -S ao singular:

book
girl
day
table
livro
garota
dia
mesa books
girls
days
tables
livros
garotas
dias
mesas 2. Os substantivos terminados em -o, -ch, -sh, -ss, -x e -z formam o plural acrescentando-se o sufixo -es:

hero
tomato
church
watch
brush
wish
glass
box
buzz
topaz
herói
tomate
igreja
relógio
pincel
desejo
copo
caixa
zumbido
topázio heroes
tomatoes
churches
watches
brushes
wishes
glasses
boxes
buzzes
topazes
heróis
tomates
igrejas
relógios
pincéis
desejos
copos
caixas
zumbidos
topázios

3. Palavras estrangeiras ou formas abreviadas em -o fazem o plural em -s
cello
dynamo
ghetto
kilo
libretto
magneto
piano
photo
portfolio
radio
solo
soprano
tango

virtuoso violoncelo dínamo
gueto
quilo
libreto
magneto
piano
foto
pasta
rádio
solo
soprano
tango
virtuoso cellos
dynamos
ghettos
kilos
librettos
magnetos
pianos
photos
portfolios
radios
solos
sopranos
tangos

virtuosos violoncelos dínamos
guetos
quilos
libretos
magnetos
pianos
fotos
pastas
rádios
solos
sopranos
tangos
virtuosos 4. Os substantivos terminados …