Pular para o conteúdo principal

To e For

Uma das maiores dúvidas, mesmo que apareça mais na hora da prática, é o uso das preposições “to” e “for”. Sabemos que ambas possuem o mesmo significado: “para”, porém qual a diferença?

Na verdade, enquanto “to” está se referindo a uma direção, um espaço geográfico e um movimento, “for” se refere a uma substituição, predestinação e intenção. É importante saber que “to” e “for” em 95% dos casos não são sinônimos, ou seja, não significam a mesma coisa, portanto é extremamente importante definir essa diferença de sentidos na mente do estudante.

Sem dúvida, o uso da preposição “for” é bem mais abrangente que “to”, sendo cabível em quase qualquer verbo. Até mesmo nas orações onde o “to” é necessário, pode se colocar “for”, porém a oração mudará de sentido, obviamente:

Ex: I will go to Miami. = Eu irei a Miami.
I will go for Miami. = Eu irei por (através de) Miami.

Outro uso bastante importante da preposição “to” é na conjugação de verbos no infinitivo. Assim, todos os verbos que traduzidos terminam em “ar”, “er” e “ir” são infinitivos e antes deles sempre é colocada a preposição “to”.

Ex: I have to go. = Eu tenho que ir.
He decided to leave = Ele decidiu partir.

Alguns outros exemplos de uso de “to” e “for”:
He offered a job to Mary = Ele ofereceu um trabalho pra Mary.
I wrote a letter to my friend = Eu escrevi uma carta para o meu amigo.
Bob reported the accident to the police. = Bob informou o acidente para a polícia.

She translated an article for me = Ela traduziu um artigo para mim.
She can find a job for you = Ela pode encontrar um trabalho para você.
Could you open the door for me? = Você poderia abrir a porta para mim?

Portanto, não tem como estruturar uma ou várias regras específicas para o uso dessas preposições. Tudo dependerá da expressão idiomática, da intenção da pessoa que está falando e acima de tudo, do contexto da frase.

Por Tiago Dantas
Equipe Brasil Escola

Inglês - Brasil Escola

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Prepositions

Preposições são palavras usadas com nomes para mostrar sua relação com outras palavras da sentença.A seguir, apresentamos as principais preposições em inglês e seu uso:TimePlaceInMeses:In JanuaryCidades:In LondonAnos, séculos: in 1995Estados:In ArkansasEstações: in winterPaíses:in NicaraguaPartes do dia: in the morning, in the afternoon, in the eveningContinentes: In AsiaOnDias da semana:on SundayRuas, avenidas, praças:on Portugal AvenueDatas (mês +dia) on April the 3rdDeterminadas datas:On Christimas dayAtHoras:at 7Endereços (rua +número):at 456 Lincoln St.Certos feriados:At ChristmasLugares públicos:at the club, at the airport, at a party Na dúvida, as sugestões abaixo podem ajudá-lo a resolvê-la, mas lembre-se:o uso nem sempre segue a regra geral.Use in para indicar “dentro de alguma coisa”:In the box

Infinitive and Gerund

O infinitivo é a forma original do verbo tal qual se encontra num dicionário. Pode aparecer na frase com ou sem o “to”. O gerúndio é o verbo com a terminação –ing.

O infinitivo com “to” é de uso mais amplo aparecendo após a grande maioria dos verbos, adjetivos, advérbios, nomes, pronomes, etc:

I expect to be there.
This car is hard to park.
She knows where to find the keys.

Também pode indicar propósito, finalidade:

They went there to buy something = They went there in order to buy something.

Use o infinitivo sem o “to”:

1. após modal verbs (can, could, must, etc.)
2. após os auxiliares do-does-did-will-would
3. após had better, would rather, rather than
4. após as preposições but e except: She did nothing but complain.
5. após os verbos make e let: You make me feel brand new.
Let me help you!

O gerúndio é usado como substantivo nas funções de sujeito, objeto indireto ou objeto indireto (após preposição use sempre o gerúndio):

1. Swimming is his favourite sport.
2. He likes …

Plural of Nouns (Plural dos Substantivos)

1. A regra geral para a formação do plural é acrescentar um -S ao singular:

book
girl
day
table
livro
garota
dia
mesa books
girls
days
tables
livros
garotas
dias
mesas 2. Os substantivos terminados em -o, -ch, -sh, -ss, -x e -z formam o plural acrescentando-se o sufixo -es:

hero
tomato
church
watch
brush
wish
glass
box
buzz
topaz
herói
tomate
igreja
relógio
pincel
desejo
copo
caixa
zumbido
topázio heroes
tomatoes
churches
watches
brushes
wishes
glasses
boxes
buzzes
topazes
heróis
tomates
igrejas
relógios
pincéis
desejos
copos
caixas
zumbidos
topázios

3. Palavras estrangeiras ou formas abreviadas em -o fazem o plural em -s
cello
dynamo
ghetto
kilo
libretto
magneto
piano
photo
portfolio
radio
solo
soprano
tango

virtuoso violoncelo dínamo
gueto
quilo
libreto
magneto
piano
foto
pasta
rádio
solo
soprano
tango
virtuoso cellos
dynamos
ghettos
kilos
librettos
magnetos
pianos
photos
portfolios
radios
solos
sopranos
tangos

virtuosos violoncelos dínamos
guetos
quilos
libretos
magnetos
pianos
fotos
pastas
rádios
solos
sopranos
tangos
virtuosos 4. Os substantivos terminados …